segunda-feira, dezembro 24, 2007

Onde fui criado não tinhamos nome, tinhamos números

Sexta-feira, o carro mais sujo e fedido seria impossível, então após o trabalho fui ao shopping lavar o veículo, o proprietário do lava - rápido me diz: -Vai demorar cerca de 2 horas. Logo, fiz meu calculo mental, 2 horas, hum! Aproximadamente o tempo de um filme, assim, shopping + 2 horas livres = cinema.


Filme escolhido e garanto que foi pelo horário, Hitman. O que eu sabia do filme basicamente era que se tratava de uma adaptação dos games, que o game é da Eidos, para quem não conhece é a mesma empresa que entre vários títulos tem Tomb Raider, e além de jogar alguns minutos, eu vi um camarada jogando algumas horas. Sinceramente se trata de uma boa adaptação, coisas que você vê no jogo como a câmera superior filmando dos ombros para baixo do personagem, ou as mudanças de roupas que ele faz decorrente da missão para se misturar as pessoas, isso tudo esta no filme.

Dica para assistir um filme como esse. Lembre-se sempre que se trata de um jogo de vídeo game, senão você pode achar que tudo é muita viagem. Mas, nem por isso a história é simples e banal, preste bastante atenção no filme para não sair com cara de interrogação.

Uma cena bem interessante se passa quando o agente 47, sim, este é o número que corresponde ao personagem principal, se encontra dentro de uma igreja e a equipe de operações russa ordena a emissão de um gás para nocautear as pessoas, a cena pode não ter nada demais por se tratar de um filme, mas para mim me fez recordar de um fato muito sério acontecido na Rússia, no dia 24 de Outubro de 2002 foi palco de uma peça trágica, 50 rebeldes chechenos fortemente aramados invadiram o teatro de Moscou, onde fizeram mais de 700 pessoas reféns, dentre os terroristas havia várias mulheres-bombas, eles queriam a retirada da Rússia do território Checheno. Após a negociação mal-sucedida e a execução de algumas pessoas, as tropas especiais russas aplicaram um gás pela tubulação do teatro a fim de fazer todos dentro ficassem desacordados. Com isso as tropas entraram no teatro e acabaram com os terroristas, o problema que o gás teoricamente não letal, resultou na morte de 115 pessoas e mais 200 intoxicadas.

Às vezes um simples trecho de um filme faz você ter lembranças reais de duras da vida, e como uma coisa puxa a outra, com isso me lembro do caso de Beslan, que particurlamente acredito ter sido o ataque terrorista mais violento de toda história da humanidade.


domingo, dezembro 23, 2007

Almost there

Quase natal, fiquei atrás de uma canção para essa data, dentre as que vi, essa foi a escolhida. Nem sou lá muito fã de John Lennon, mas em questão não estão o autor e sim a canção.



Happy Xmas (War Is Over) - John Lennon
Feliz ano novo (a guerra acabou)

So this is christmas
And what have you done
Another year over
And new one just begun

então é natal
e o que você tem feito?
um outro ano se foi
e um novo apenas começa

And so this is christmas
I hope you have fun
The near and the dear one
The older and the young

E então é natal
eu espero que você tenha se divertido
O proximo e querido
O velho e o jovem

A very merry christmas
And a happy new year
Let's hope it's a good one
Without any fear

um feliz natal
e um feliz ano novo
vamos esperar que seja um bom ano
sem qualquer medo

And so this is christmas (war is over...)
For weak and for strong (...if you want it)
The rich and the poor one
The world is so wrong

e então é natal (a guerra acabou...)
para o fraco e para o forte (... se você desejar)
para o rico e para o pobre
o mundo é tão errado

And so happy christmas
For black and for white
For the yellow and red one
Let's stop all the fight

e então feliz natal
para o negro e para o branco
para o amarelo e para o vermelho
vamos parar com todas as lutas

A very merry christmas
And a happy new year
Lets hope it's a good one
Without any fear

um feliz natal
e um feliz ano Novo
vamos esperar que seja um bom ano
sem qualquer medo

And so this is christmas
And what have we done
Another year over
And new one just begun...

e então é Natal
e o que nós fizemos
um outro ano se foi
e um novo apenas começa...
And so happy christmas
We hope you have fun
The near and the dear one
The older and the young

e então feliz Natal
esperamos que você tenha se divertido
o proximo e querido
o velho e o Jovem

A very merry christmas
And a happy new year
Let's hope it's a good one
Without any fear

um feliz natal
e um deliz ano novo
vamos esperar que seja um bom ano
sem qualquer medo

War is over - if you want it
War is over - if you want it
War is over - if you want it
War is over - if you want it

A guerra acabou - se você desejar

quarta-feira, dezembro 19, 2007

Eu sou a lenda

A lenda faz jus ao nome, o arrasa quarteirão da semana passada de estréia no EUA foi o filme "I am legend", arrecadou nada mais, nada menos que 76 milhões de dólares, batendo "o senhor do anéis".

Eu ainda não assisti ao filme, mas acabei hoje de ler o livro, detalhe importante, não achei o livro a venda, o que me fez procurar na net e ler em PDF. Creio que depois desse sucesso em vendas vai sair um monte de edições deste para venda em livrarias. Não posso comparar ainda, o livro com o filme, mas posso dar um prévia do livro.

Muito cabível começar pelo autor, que é Richard Matheson, você pode averiguar com a obra em questão, é que Richard tenta mostrar ao leitor o quanto duro é a vida de uma pessoa que vive sozinha no mundo, o personagem principal do livro é Robert Neville, único sobrevivente de uma infecção que cobre a terra. não estragando o filme e nem o livro, logo de início você descobre que ele não esta só, Não estragando porque no próprio trailer do filme, essa mensagem fica clara. Em fato, o que você não sabe, e sim pode atrapalhar um pouco o seu filme, é que os outros que vivem na terra possuem características vampirescas.

O livro trata da questão de solidão de Neville, assim como suas várias doses de uísque que o acompanham nos momentos difíceis. Por características, vamos dizer que o Neville do livro não tem nada haver com o Will Smith, apesar disto não fazer diferença alguma para a história, o que me fez pensar um pouco é sobre o cachorro do trailer, fazendo com que essa característica de só no mundo, não seja tão só, afinal de contas o cachorro sempre foi e será o melhor amigo do homem. No livro há um cão, mas não se torna tão amigo assim de Neville. Entre uma lida aqui e ali em sites, li que a atriz brasileira, Alice Braga, sobrinha de Sonia Braga faz um personagem no filme que se chama Anna, sei lá, pode ser que a versão traduzida que li tinha outros nomes, mas os mais evidentes no livro são, Ben Cortman, seu colega de trabalho, Virginia, sua esposa, Kathy, sua filha e Ruth.

Uma das coisas mais interessantes do livro são as explicações biológicas e químicas do que são os vampiros. Um detalhe importante, nos sites diz que no filme Neville é um biólogo, no livro ele é um cara que resolve aprender sobre doenças sanguíneas.

Como minha intenção esta longe de estragar o que esta por vir no filme, fico por aqui e faço um novo post quando o filme estrear no Brasil. Aqui o filme chega 18 de janeiro.

Não vale a pena assistir? Claro que sim, a história é muito boa, além deste ser o filme sobre o assunto vampiro mais caro da história, 150 milhões de dólares, contém a cena mais cara também, 5 milhões numa única cena, pelo que li a feita sobre a ponte do Brooklyn.

Ps.: Agora com tempo para ler mais um título, dois livros simultâneos é tolerável, três não rola.


quarta-feira, dezembro 12, 2007

Alien de peruca VS Predador

Sou fanzaço da série Alien, mas não tão fã assim da série predador, no entanto acompanhei as duas até, até o fatídico dia que surgiu argh!!! "Alien vs Predador", o que tinha de tudo para ser um sucesso entre os fãs, na verdade não passou de um fiasco.

Mas como desgraça pouca é bobagem, bem vindos a "Alien vs Predador 2", ou como gosto de chamar, Alien de peruca vs Predador. Por que a raiva? Essa pergunta é fácil. Os pecados estranhamente vêm sempre por parte do predador, aos que se lembram da série predador, em que estágio climático as localidades se encontravam quando o ilustre crustáceo de peruca aparecia na terra? Verão. Mas, no filme AvP (Alien vs Predador), eles estavam no gelo, para mim aquilo foi brutal de mais. Eu deveria não me atentar a detalhes.

De qualquer forma, hoje na web apareceu um vídeo com os 5 primeiros minutos do filme AvP2, e se me permitem segue minha primeira crítica sobre. Vamos lá, nessa prévia podemos averiguar a completa vinculação do primeiro AvP, pois mostra o Alien de peruca aparecendo. Logo depois algumas tretas na nave e então nave caindo em meio a uma floresta. A gafe surge agora, ao invés de predador que não aceita derrota ativar o seu bracelete do poder e explodir tudo com a bomba nuclear anal que ele possui, mas não! E por dois motivos, primeiro o filme acabaria nos primeiros 5 minutos, e segundo ele resolve mandar um e-mail com anexo do vídeo do que aconteceu para seu truta em Predadopólis. Pelo amor de Sigourney Weaver, deixem o Alien em paz, querem fazer um filme merda, façam! Mas não utilizem o personagem criado pelo ilustre Giger, e pior, agora de peruca, acho que o Giger não foi informado que estragariam sua obra.

Para chorar, quer dizer, assistir aos 5 minutos, clique aqui!

terça-feira, dezembro 11, 2007

O que a igreja realmente teme

Em 2006 um grande alvoroço se deu pelo lançamento do polêmico livro de Dan Brown para o cinema, como você já pode ter comprovado toda a preocupação estava envolta de Jesus ter tido filhos com a rapariga e Da Vinci ter retratados fatos sobre, em fato, a igreja com certeza teve medo pelo livro se tornar filme, afinal, em quanto livro, e se tratando de Brasil que nem todos têm o hábito da leitura, mas como filme todas as massas poderiam assistir e utilizar algo esquecido, que é a própria interpretação sobre o assunto.

De qualquer forma, tudo não passou de um Tsunami sem direção ou até mesmo sem nexo. Mas o olho de Sauron (defina igreja) deveria mesmo estar voltado a outro autor, Philip Pullman, esse que aparentemente escreveu um livro infantil inofensivo, traz em suas entrelinhas uma maravilhosa crítica a igreja e porque não a deus.

Estou viajando? Será!

Trecho do 3º livro da série, a luneta âmbar:

Balthamos começou a falar em tom calmo.
— A Autoridade, Deus, o Criador, o Senhor, Yahweh, El, Adonai, o Rei, o Pai, o Todo-Poderoso, todos esses são nomes que ele deu a si mesmo. Ele nunca foi o criador. Ele era um anjo como nós, o primeiro anjo, é verdade, o mais poderoso, mas era feito de Pó como nós somos, e Pó é apenas um nome para o que acontece quando a matéria começa a compreender a si mesma.

... Os primeiros anjos se condensaram a partir do Pó e a Autoridade foi o primeiro de todos. Ele disse aos outros, que vieram depois, que ele os havia criado, mas era mentira. Um desses que vieram mais tarde era mais esperto do que ele e ela descobriu a verdade, de modo que ele a baniu.

A série fronteiras do universo tem uma grande possibilidade de atingir não um público tão grande quanto o de Dan Brown, mas com certeza um grupo menor e mais jovem, e espero que com isso haja alguns questionamentos referente a manipulação da igreja sobre as pessoas. Interpretações a parte, que venha o filme, nos EUA já estreou, aqui no Brasil previsão de chegada para 24 de dezembro. O primeiro da série é "a bussola de ouro".

sexta-feira, novembro 30, 2007

Seven days

Começo o post me protegendo e dizendo que gosto muito de U2, senão porque iria eu nas duas turnês que passaram pelo Brasil, mas não há como não notar, eu acho que o Bono é uma das personificações da Samara do filme "O chamado", e você em desespero vai dizendo. -Você está louco? Não! Vamos aos fatos do dia. Como todos sabem o Bono fez vários duetos, a questão é, por onde andam seus pares?

Sim, sim, por mais estranho que pareça parte deles, mortos.

Frank Sinatra (*1915 | +1998) "I've Got You Under My Skin"
Johnny Cash (*1932 | +2003) "The Wanderer"
Luciano Pavarotti (*1935 | +2007) "Miss Sarajevo"
Roy Orbison (*1936 | +1988) "She's a Mystery to Me"

B. B. King e Lucille que se cuidem, nunca se sabe o que pode sair de sua TV.

E para não dizer que sou sem coração, abaixo dentre esses duetos o que mais admiro.



Miss Sarajevo

Is there a time for keeping your distance
A time to turn your eyes away
Is there a time for keeping your head down
For getting on with your day
Existe um tempo para ficar distante
Um tempo para inverter seu olhar
Existe um tempo para baixar a cabeça
Para ir em frente com seu dia
Is there a time for kohl and lipstick
A time for curling hair
Is there a time for high street shopping
To find the right dress to wear
Existe um tempo para usar batom e maquiagem
Um tempo para cortar o cabelo
Um tempo época para compras na avenida
Para encontrar o vestido certo para se usar
Here she comes, oh oh
Heads turn around
Here she comes
To take her crown
Lá vem ela
Os olhares se invertem
Lá vem ela
Para receber a coroa
Is there a time to run for cover
A time for kiss and tell
Is there a time for different colours
Different names you find it hard to spell
Existe um tempo para correr para os abrigos
Um tempo para beijos e confissões
Existe um tempo para cores diferentes
Nomes diferentes, você sente dificuldade em soletrá-los
Is there a time for first communion
A time for East Seventeen
Is there a time to turn to Mecca
Is there time to be a beauty queen
Existe um tempo para primeira comunhão
Um tempo para a Sinagoga
Existe um tempo para virar para Meca
Existe um tempo para ser uma bela rainha
Here she come, oh oh
Beauty plays the clown
Here she comes
Surreal in her crown
Lá vem ela
A mais bela recebendo a coroa
Lá vem ela
Surreal em sua coroa
Dici che il fiume
Trova la via al mare
E come il fiume
Giungerai a me
Oltre i confini
E le terre assetate
Dici che come fiume
Come fiume...
L'amore giungerà
L'amore...
E non so più pregare
E nell'amore non so più sperare
E quell'amore non so più aspettare
(Pavarotti)
Você diz que o rio
Encontra seu caminho para o mar
E assim como o rio
Você virá para mim
Além das fronteiras
E dos desertos
Você diz que, como o rio
Semelhante ao rio
O amor virá
Amor
E eu não consigo mais rezar de forma alguma
E eu não consigo mais acreditar no amor de forma alguma
E eu não consigo mais esperar pelo amor de forma alguma
Is there a time for tying ribbons
A time for Christmas trees
Is there a time for laying tables
And the night is set to freeze
(Bono)
Existe uma época para usar fitas de amarrar cabelo
Um tempo para árvores de Natal
Existe um tempo para arrumar a mesa
Quando a noite está bastante fria

quarta-feira, novembro 28, 2007

Fã do filme "A lenda"?

Que tal ter o lorde da escuridão em action figure, é só acessar big bad toy store e ter 325 doletas em conta.

É quase impossível dizer que o recepcionista de hotel (Tim Curry) em "esquecerão de mim", já foi um dos demônios mais irados do cinema.









terça-feira, novembro 27, 2007

Vizinhos novos, com um caixão?

De repente olho pela janela, e vejo dois caras carregando um caixão em plena madrugada para o porão. Vamos dizer que essa não é um tipo de mobília comum. Nessa hora digo, não se fazem mais filmes de vampiros como antigamente, sabe, sair do clássico Jonathan e Mina, o trecho acima diz respeito ao filme "A hora do espanto" (Fright Night), de 1985.

Semana passada assisti o filme, você diz: -Um clássico! Eu respondo: -Não! Filme de cabeceira, do lado da cruz e a corrente de alho, água benta faz bem também.

A história, lembra? Eu ajudo. Charley(William Ragsdale) é um rapaz que curte clássicos de terror que passam nas madrugadas na TV, esses apresentados por Peter Vicent(Roddy McDowell), um ator de filmes classe B de vampiros, numa cena só para você terem idéia ele saca uma estaca e um martelo, detalhe da estaca estar com a ponta virada para o martelo. Em fato Charley começa a desconfiar do vizinho, talvez pelo caixão e os hábitos noturnos, associados a desaparecimento de pessoas na região.

Jenny Dandrige (Chris Sarandon) é o vampiro da história, vampiro a La Gasparzinho que tenta ser camarada com Charley e fingir que não viu ele bisbilhotando sua vida, mas sabe como é adolescente, não sabe ouvir conselho e acaba virando inimigo de estado de Dandrige. A história segue com todos os clichés clássicos de filmes de vampiros, mas com um conto de época. Monstro, época 1985, beleza?

Nunca assistiu, como assim? Locadora, ou loja virtual, você não pode morrer sem assistir a este. Você me diz daqui uma semana. -Nossa, o filme é louco, teve continuação? Sim, em 88 saiu "A hora do espanto 2", onde a irmã de Dandrige vêm tirar satisfações com Charley e nessa história você conta ainda com o velho e atrapalhando Peter Vincent.

Ow, se vier criticar os efeitos especiais, merece uns tapas na cara, na época era o que dava para fazer com um orçamento de 9 milhões.

Algumas sacadas muito styles são, passar uma cena de Drácula de 1985 com Christopher Lee. E a levantada de Dandrige do caixão baseada em Nosferatu de 1922. Aprovado! 5:-F

A hora do espanto. É uma das minhas favoritas, tem uma boa razão eu a estrelo, diz Peter.

sexta-feira, novembro 23, 2007

Iorek em cadê a minha armadura?

Recentemente foi enviado a internet um trecho do filme "A bússola dourada". E explicando o que realmente a cena mostra, é quando Lyra(a personagem principal) mostra para Iorek(o urso polar) aonde esta sua armadura, de fundo você pode ver a igreja onde ela estava.

Essa porrada de animais na cena, são mais que simples animais, são os Daemons de cada pessoa, por exemplo, você pode ver perto de Lyra um arminho, que se chama Pantalaimon
. Não entendeu nada, não é? Liga não, já vai sair no cinema e você vai começar a entender as coisas. :)


quinta-feira, novembro 22, 2007

O que você deve saber sobre Beowulf, é nunca teve coragem de perguntar.

É a primeira vez que usam o nome de Beowulf no cinema?

Não, Highlander já esteve por trás do título, buscando a imortalidade. Acontece que Christopher Lambert, ex-Tarzan em a lenda de Greystoke e ex-Connor MacLeod em Highlander, já protagonizou Beowulf no cinema.

Beowulf é baseado em o senhor dos anéis?
Não, só para você ter idéia o próprio Tolkien tomou inspiração em Beowulf para criar suas literaturas épicas. Beowulf data entre 700 e 1000 d.C., de um escritor anônimo, trata-se de um poema, poema que não possui título, mas é chamado de Beowulf desde o século XIX.
Na história o herói vai a corte do rei Hrothgar, para ninguém achar que seja uma exclusividade de Tolkien se basear no conto Beowulf, outra história mais atual Eragon de Christopher Paolini, se baseia em nomes de Beowulf, notem, Eragon tem como missão encontrar com os Varden quem tem como a base a montanha Beor, território governando por Hrothgar, rei dos anões.
Prosseguindo, Beowulf vai à corte ajudar a galera se livrar do devorador de homens, Grendel, que Beowulf sai na mão literalmente e acaba com ele, mas por incrível que pareça Grendel tem mãe, sabe para você não ficar se questionando sobre ovo e a galinha, em fato como a mãe toma as dores, Beowulf numa crise de capitão Nascimento resolve pegar o saco da verdade e acabar com o mal pela raiz.

Aqui um fato interessante Beowulf não foi encontrando como seus livros de cabeceira, ele é um texto fragmentado, assim sendo, depois que ele dá um jeito na mãe de Grendel, o texto fica no limbo, voltando com Beowulf já velho tendo que ajudar o reino se livrar de um Dragão, aqui vejo uma pitada de o Hobbit de Tolkien.

O novo Beowulf é com atores reais?
Não, todo o filme foi criado digitalmente.
E o diretor dá para confiar?
Eu particularmente coloco minha mão no fogo por Zemeckis, o cara foi responsável por uma das trilogias que mais gosto, "De volta para o futuro", mas se não é o bastante para você que tal “Forrest Gump”, ou quem sabe "A casa monstro", este último citado já usando recursos digitais.
É isso ae pessoas, Beowulf promete, o conto apesar de fragmentado não é o real demonstrado no filme, o filme foi baseado na adaptação de Neil Gaiman e Roger Avary sobre o poema e os efeitos visuais hoje em dia não tem por que ser ruim.

Trailer

segunda-feira, novembro 19, 2007

Uma narrativa que começa acelerada e nunca diminui o ritmo

O título não é meu, Clive Barker escreveu sobre 30 dias de noite na introdução da revista. Com certeza você vai dizer: -De novo esse cara e essa história em quadrinhos. É verdade de novo, mas o que posso fazer assisti o filme esse findi e preciso comentar sobre ele.

Você diz: Como foi? Ae sim, gostei da pergunta. Basicamente o ano começou com uma excelente adaptação dos quadrinhos, 300 de Frank Miller, e o fim do ano não poderia ser diferente, creio que uma das últimas adaptações desse ano é 30 dias de noite. será numerológia? 30, 300? De fato os números anda sendo representados de boa forma, claro, cada um a sua maneira.

30 Dias de noite, é um conto de terror, especificadamente sobre vampiros, na história uma cidade do Alasca chamada Barrow. Fictícia? Nada! Olha na wikipedia. A cidade passa por 30 dias de escuridão, fenómeno chamado noite polar, um grupo de vampiros que não é bobo nem nada resolve fazer um banquete a luz de velas na cidade.

Sobre a adaptação cinematográfica, nada a acrescentar, claro é uma adaptação, não uma réplica fiel de ponta a ponta do trabalho de Steve Niles e Ben Templesmith (história e arte), dessa forma Brian Nelson e Stuart Beattie (roteiristas) mandaram muito bem.

Algumas notas minhas? Claro, eu acho que o vampirão do grupo tinha ser como nos quadrinhos, mais para Nosferatu. Em compensação a violência dos quadrinhos e do filme podem dar as mãos 5:-F

Uma nota importante, é a que o Barker deixou, o filme como os quadrinhos flui em velocidade vertiginosa, e se você espera aquele filme vampiro romântico, melhor ficar em casa. Para quem gostar os quadrinhos tem continuação, chama-se 30 dias de noite, retorno a Barrow.

Você quer brincar comigo agora? Que meninha linda no fim, hein?

quinta-feira, novembro 15, 2007

1..2..3.. Testando

Hoje indo para a labuta sintonizei a CBN, eis que então ouço uma entrevista sobre a aprovação da lei 1.153 que nada mais nada menos permite o uso de animais para teste científicos. Interessante, pois ontem mesmo redigi um post sobre o assunto e apenas não publiquei, em fato vou publicá-lo sem alterar o conteúdo, pois exemplifico o ponto.

O projeto de lei aqui.

E neste link efetua uma busca no site da CBN, este materia foi ao ar terça-feira, 13 de novembro de 2007.



Muitas pessoas das quais converso ficam indignadas quando explico processo de teste animais, a primeira reação normalmente é dizer: -Sou contra a testes com animais. Creio que a maioria das pessoas do mundo é contra os testes, mas em fato contribuem todos os dias para isso indiretamente. Quando explico o caso, dizem que sou louco, doente e pensar do jeito que penso não se vive, bom, se você se importar com a vida de animais não humanos significa não viver, então realmente eu não vivo.

Onde os testes estão numa manhã da sua vida:

Você acorda;

Vai para o banheiro e manda o número 1, alguns o número 2 também;

Vai para o banho e pega o sabonete, do qual a maioria além de ser de origem animal, foi testada em um animal para ver se não traria problemas de irritação intensa em seus olhos, caso caia neles; O xampu, o mesmo teste é aplicado, você não acredita, não é? O nome do teste é Draize, pesquisa em deus (www.google.com);

Toma seu café com leite, leite hoje que anda com complementos que nem você sábia, este talvez não ande passando por testes, ou se passa, que se dane você toma com água oxigenada mesmo, ou qualquer outra coisa. Em fato leite de vaca não foi feito para humanos, existe alguma dúvida que o leite materno auxilia no crescimento da criança e na produção de anticorpos? Note, leite materno, não me importa se sua mãe rumina.

Passa seu perfume de marca caríssima, o importante é impressionar a gata, certo? E claro, mais uma vez demonstrando que você não esta nem aí para os animais de laboratório;

Não vou continuar no seu dia-a-dia e quanto você é responsável pela morte e tortura de vários animais não humanos, que diferente de você, não tem chance de se defender. A propósito quando você pensar em dizer que se importa com os animais de laboratório, e que é contra os testes, pense na verdade o que você faz para que isso não aconteça. Já escutei dizerem para mim que sou hipócrita com minhas atitudes vegetarianas, sendo que hipócrita é aquele que perde a ignorância quando sabe a verdade dos fatos e mesmo assim se engana à aceitar a verdade.


segunda-feira, novembro 12, 2007

Coreano, né!

O mais próximo da cultura coreana que chego, e nas aulas de Taekwondo, e como você devem perceber sou fã mesmo de cinema americano, claro que isso tem uma grande explicação, e ela toda é pelos investimentos milionários quando os filmes possuem efeitos especiais.

Mas nessa sexta fui até a locadora fazer uma coleta cinematográfica, comecei procurando por "Transformers", que assisti no cinema, mas queria ver novamente, sabe como é, o filme tem milhões de detalhes e quando você assisti uma única vez não consegue absorve-los, vocês acham que é brincadeira? É nada, os carros se transformando possuem uma porrada de detalhes, mas em fato não é sobre Transformers que venho aqui falar, resolvi na locadora fazer um teste experimental, então, aluguei 3 filmes.

E os filmes foram:

Transformers (nada de experimental);
Anjos da Morte (classe Bezassámo, até curto um classe B, mas esse aqui foi osso de aturar. Vai que seguindo o exemplo de Sam Raimi e Peter Jackson um dia o diretor Gregg Bishop, virá estrela de cinema.);
Hospedeiro;

Agora sim, vou comentar do último, produção coreana, filme de monstro, mas com qualidade impressionante, será por causa da produtora do modelo do monstro ter sido a Weta Workshop, ae você fanfarrão pensa, hummmm, Weta Mother fucker? Que é isso? Hello, a empresa do Peter Jackson! Peter Jackson? Não sei que é pior o monstro do filme ou você, seu monstro! Peter Jackson fez o "Senhor dos anéis", "King Kong", "Fome animal", entre outros. Prosseguindo, o filme é daqueles a Godzilla, manja mutações bizarras que geram criaturas gigantes, no entanto, esse filme tem uma pitada de comédia muito legal, diferente de comédias americanas, que são para americanos ver. Sinceramente o filme merece uma atenção, se você assistiu alguns filmes nacionais para prestigiar, não vejo porque não dar um pouco de atenção para esse coreano.

Mas ae você me pergunta, só por ser de monstro devo assistir? Ah, sei lá, assisti se quiser, mas tem muito mais na história, eles tratam muito de governo também, aquele lance do governo ocultar as coisas, as críticas são tão fervorosas que o próprio Estados Unidos caem no meio a crítica. Fora tratar de assuntos como poluição, o rio em que a história se passa, chama-se Han, e no ano 2000 foi feito um grande projeto de conscientização sobre a poluição do rio, projeto chamado "Rio Han Verde", com certeza a história do filme se apega a esse caso.

Filme aprovado!

Site oficial do filme

Trailer coreano


sexta-feira, novembro 09, 2007

O apocalipse de João

"... anjos derramam taças sobre a Terra, que significa a ira de Deus em 7 etapas..."

As localidades foram definidas em 1996, Estados Unidos, Brasil, Itália, Congo, Paquistão, Tailândia e China. Neste ano morreram 5 bilhões de pessoas, cerca de 1% da população global sobreviveu e vivem no subterrâneo. A causa da morte um retrovírus aero transmissível depositado em cidades desses 7 países, transportados em tubos.

Não sou religioso. Mas, sempre ouvi que há várias interpretações sobre os trechos da bíblia, dessa forma estes anjos poderiam ser um, assim como não exatamente um ser divino, mas sim um humano que acredita ser enviado por deus e as 7 etapas quem sabe não seja os países.

Após ler esses dois parágrafos, vocês devem pensar, caralho ele ficou doidão, chama o hospício ou o capitão Nascimento por que ele é MU-LE-QUE, calma, muita calma nessa hora, as declarações acima foram feitas por um paranóico esquizofrênico, mas não fui eu, ele se chama James Cole.

Vamos aos esclarecimentos, James Cole é o personagem de Bruce Willis em "Os 12 macacos", filme de 1995, onde Cole vive no futuro, no ano de 2035 após o ataque de um vírus que exterminou quase toda a raça humana, neste futuro apocalíptico, "cientistas" geram uma máquina do tempo e utilizam cobaias humanas para voltar no tempo e tentar recuperar o vírus sem mutação, a fim de produzir o antivírus.

O rastro de busca que Cole deve seguir é um exército chamado, os 12 macacos, pois segundo uma mensagem resgatada de um caixa postal telefônica diz que eles seriam responsáveis pelo ataque, mensagem esta que durante o filme você descobre quando foi enviada.

Muita coisa é realmente interessante nesse filme, claro que necessita de um pouco de atenção para reparar todos os fatos e por fim consolidá-los. Por exemplo, ser enganado com relação à idéia desse fim do mundo caótico, pois Cole acredita que ele acabou sendo responsável por isso quando ele conta o futuro para um paciente da clínica de doentes mentais, paciente este que é Brad Pitt, diga-se de passagem, uma excelente representação por parte dele. Mas a verdadeira teia de fatos esta ligada por pessoas e não pelos fatos futuros que acontecerão.

Você também pode acompanhar distúrbios mentais devido às viagens no tempo, onde Cole começa a duvidar em que tempo ele realmente vive.

E claro, nas vísceras do filme se encontra a idéia esplêndida sobre experiências com animais (no passado) e humanos (no futuro).

Somente para desfecho quando me referi a "cientistas" (entre aspas), é porque na última cena você descobre que umas das cientistas na verdade trabalhava com seguros.


Vídeo feito por fã

quinta-feira, novembro 08, 2007

Eu quero que você diga 3 palavrinhas. - Eu quero morrer.

Creio ser a frase de maior impacto no remake do filme "A morte pede carona", original de 1986 e com remake em 2007. O papel do psico John Ryder ficou com Sean Bean (Não caiu a ficha? Boromir, de "O senhor dos anéis", melhorou?), e como o casal Sophia Bush (Grace) e Zachary Knighton (Jim).

Dos últimos remakes que vi, como por exemplo, "Psicose" ou "Horror em Amityville", "A morte pede carona" esta bem melhor que os anteriores. Creio que o mundo parou um pouco com as caronas devido aos crimes, mas no filme a forma em que a carona é conquistada é bem inteligente.

Um trecho que é bem tenso no filme e você pode se esforçar em se colocar no lugar dos protagonistas, é quando a carona é dada, e o ilustre John Ryder diz:
- A quanto tempo esta mandando brasa na gata? (Nota importante, estou usando minhas próprias palavras no diálogo).
- Como? (Jim indaga)
Muito observador Jim vê uma aliança na mão de John e questiona.
- E você a quanto tempo você fode sua esposa?
- Eu não sou casado. (John)
- E por que da aliança? (Jim)
- Para demonstrar confiança. (John)
- E você é de confiança? (Jim)
- Não. (John)

A insanidade do filme vai por essa linha, e garanto que se um dia você pensou em dar carona, após o filme sua idéia vai mudar.

Trailer do remake



Trailer versão de 1986

terça-feira, novembro 06, 2007

Vampiro prudente? Não! De Prudente.

Cuidado crianças com Wladi Disney da Silva, o cara tem o perfil do maníaco do parque, com a diferença de aparentemente ainda não ter matado ninguém. Como as pessoas ainda conseguem enxergar bondade em um estranho de rua, que faz promessas para lá de esquisitas. A matéria na integra abaixo.

---

O delegado Darci de Oliveira do 4º Distrito Policial de Presidente Prudente, a 656 km a oeste de São Paulo, recebeu nesta segunda-feira, o expediente contendo três boletins de ocorrência em que pais de adolescentes denunciaram, durante o final de semana, que seus filhos estariam sendo aliciados por um homem identificado como Wladi Hacamia com a promessa de serem transformados em vampiros. O processo inicia com uma mordida no pescoço dos jovens.

A Polícia Civil já identificou o suspeito como sendo Vandeir Máximo da Silva. Ele tem 27 anos, branco, que sempre veste roupas de cor preta, reside no Jardim Esplanada, em Prudente, porém, permanece foragido.

Este homem estaria aliciando os adolescentes para que participassem da seita "Legião de Salvadores do Mundo", onde ele (Wladi) promete aos menores poderes sobrenaturais como a imortalidade, pois vai transformá-los em anjos dotados de asas, que serão vampiros e guardiões de cemitérios.

A situação provocou preocupação às famílias da região que possuem filhos adolescentes.

De acordo com os pais, alguns dos menores que tiveram contato com o Wladi passaram a apresentar diferença de comportamento, apresentam marcas de mordidas no pescoço e alguns cortes feitos com estiletes nos braços.

Mais de 15 jovens com idades entre 13 e 16 anos já foram mordidos pelo que eles mesmo chamam de "vampiro do bem".

O suspeito teria abordado os adolescentes em um shopping da cidade e nas imediações de algumas escolas. Ele convida os jovens de ambos os sexos para reuniões na praça das Cerejeiras que fica no Jardim Icaray em Prudente. Depois ele convence os jovens acompanhá-lo no período da noite, até um sítio onde ele demonstra agilidades físicas em uma espécie de luta, mostra suas asas e inicia os menores mordendo-os na região do pescoço. De acordo com os jovens, o autor pretendia levá-los para São Paulo, onde ele dizia estar montado o templo principal da seita.

Um dos adolescentes que acompanhou rito, disse com convicção ter visto as asas do vampiro, seus olhos mudarem de cor e os dentes caninos crescer entre três a quatro centímetros.

O menino contou que participou de uma reunião onde além dele, outros 14 jovens, sendo três meninas, foram mordidos por Wladi que se dizia ser um vampiro do bem. O jovem ainda disse que quando foi mordido, sentiu algo como se fosse uma injeção no pescoço.

Devido às marcas encontradas nas vítimas, a polícia instaurou inquérito sobre crime de lesão corporal.

O suposto autor chegou a ser visto pelos pais de um dos menores influenciado, mas conseguiu fugir e não foi mais visto.

"Vamos dar seqüência às investigações e ouvir os jovens vitimados por esta pessoa. Depende muito do depoimento de cada um dos jovens vitimados para que a polícia possa indiciar o suspeito. Depois de ouvidos os adolescentes, o próximo passo será a localização do autor para que ele possa prestar declarações sobre os fatos", disse o delegado.

Fonte: Terra.

quinta-feira, novembro 01, 2007

...

Chamo isso de momento sem comentário. Como o senhor Spielberg disse em uma de suas entrevistas sobre o filme, "Esse filme é pra vocês garotos e garotas". E eu como um pobre seguidor o que posso fazer, se deus disse isso, quem será contra?



Nota: A notícia sobre o filme não é nova, disto eu sei, que já foi finalizada as gravações, isto também não é novo, mas uma foto como esta merece um post. Fã eu? Imagina. Eu fui escoteiro creio que nem todos saibam, o motivo? Indiana Jones.

quarta-feira, outubro 31, 2007

Gostosuras ou travessuras

De origem Celta, mais precisamente de celebrações pagãs provém o halloween, a festa dos dias das bruxas, cultuado em sua maioria em países anglo-saxónicos (hoje não estou tão desafiador a ponto de explicar esse termo, por isso se quiser saber mais Wikipedia) e por ae vai a história do halloween, em fato esse dia para mim não significa nada, mas sempre me faz lembrar de filmes do gênero, por isso segue uma lista de filmes para se ver em dia de halloween.




  • O estranho mundo de Jack
  • A casa monstro
  • A mão assassina
  • E.T.
  • A lenda do cavaleiro sem cabeça

Como vocês podem perceber não cito o próprio filme de Mike Myers, "Halloween", Por quê? Oras, acho esse filme uma droga.

segunda-feira, outubro 29, 2007

O labirinto de David Bowie

Não, não! E não, David Bowie não era o fauno, em o "Labirinto do Fauno" de Guillermo del Toro, estamos falando de tempos remotos, de mundos emersos, estamos falando de 1986, e do filme "Labyrinth", onde David Bowie atuou como Jareth, o rei dos duendes.

Há pouco assisti a este clássico cinematográfico, que você até encontrar numa locadora perto de você, mas não garanto que seja tão fácil assim.

A história é sobre uma garota chamada Sarah, interpretada por Jennifer Connelly (Para você não ficar com cara de interrogação, ela era a garota de Bruce Banner, em Hulk) que fascinada por um livro chamado labirinto, e pelo qual passa por momentos de pura interpretação.

Sarah vive com os pais e com seu irmão, um pirralho de berço, é então que numa noite que os pais pedem para ela cuidar do fedelho, e ela sem vontade nenhuma, eis que faz uma invocação tirada do livro do quais duendes levam o irmão dela embora. Nessa que o ser andrógeno conhecido como David Bowie surge como já dito no papel de Jareth, e quer trocar o irmão de Saraw por uma bola de cristal para ela ver os sonhos.

Mas Sarah se arrepende de ter colocado o mancebo chorão do irmão nessa furada e resolve buscá-lo, mas Jareth cria um desafio, ou seja, ela tem um limite de tempo (13 horas) para conseguir resgatá-lo, além de ter que transpassar um labirinto para chegar ao castelo de Jareth, onde seu irmão esta. Caso não consiga chegar a tempo seu irmão irá virar um duende.

Para aqueles que curtem uma história de fantasia e de tabela dar algumas risadas com algumas canções que o próprio Bowie escreveu para o filme, é um prato cheio. Alugue o DVD ou compre, estoure a pipoca e aproveite 102 minutos de um clássico.


terça-feira, outubro 23, 2007

Scream awards 2007

Para quem não manja o Scream awards é a premiação gringa realizada pela Spike TV que junto ao publico elege o melhor do terror, suspense, ficção científica, fantasia e histórias quadrinhos. Gravado na última sexta-feira, dia 19, e indo ao ar hoje, dia 23 pela Spike TV, à partir das 22hs.

O Scream awards sempre conta com ilustres personalidades do mundo underground como Rob Zombie, Ozzy Osbourne, Slash e outros. Sem mais delongas vamos ver como ficou a premiação desse ano.

  • Harrison Ford foi o primeiro premiado da noite. Recebeu a estatueta pelo conjunto da obra, principalmente pelos heróis que viveu como "Han Solo", "Indiana Jones", e outros.

  • Neil Gaiman por suas histórias em quadrinhos também recebeu prêmios (Nota mental 27.852, lembrar de ir assistir Stardust, conversas de buteco fazem você esquecer o comentário escrito em um Blog e ir confirmar se o filme é bom ou não).

  • Shia LaBeouf de Transformers, ficou com o prêmio de "estrela de ficção científica" (Nota mental 27.853, aqui no Brasil esse nome Shia tá mais para uma garota).

  • Megan Fox "a GATA de Transformers", como "musa de ficção científica" (Nota mental 27.854, ela devia levar de "a mais gata").

  • Hayden Panettiere, a Claire de "Heroes", foi a revelação.

  • Jessica Alba, a melhor heroína com "Quarteto fantástico" (Nota mental 27.855, queria que ela parecesse jovem gata de "A mão assassina").

  • Melhor programa de TV ficou com "Heroes".

  • Melhor Super-Herói ficou para Tobey Maguire em "Homem-Aranha 3" (Na minha opinião, como herói sem crises, mas que este foi o pior filme da série, para mim foi).

  • Melhor Herói de Fantasia ficou para Johnny Depp em "Piratas do Caribe" (Ô monstro, fantasia no caso é o gênero, ok?).

  • Melhor adaptação de quadrinhos ficou para "300" (Como todo filme de muito sucesso sempre precede uma paródia, e com 300 não seria diferente, em breve nos cinemas ou talvez somente locadoras "Meet the Spartans").

  • Melhor Diretor ficou para Quentin Tarantino e Robert Rodriguez em "Grindhouse".

  • Melhor Filme Estrangeiro ficou para "O Labirinto do Fauno", de Guillermo del Toro.

  • Melhor Filme de Terror, ficou para "Grindhouse", de Quentin Tarantino e Robert Rodriguez.

  • Melhor Sequência quem levou foi "Harry Potter e a Ordem da Fênix".

  • The Ultimate Scream, a premiação da noite quem levou foi "300".

quinta-feira, outubro 18, 2007

Clive Barker

Entre 1984 e 1985, um rapaz de nome Stephen King disse após ler "Books of Blood". "Eu tenho visto o futuro do terror e o nome é Clive Barker".

Creio eu que meu primeiro contato com os trabalhos de Barker veio com o imortal "Hellraiser" de 1987, quem não se lembra do ser intitulado "Pinhead"? Pow, como não? Em "De volta para o futuro I", a banda de escola de Marty McFly chamava-se Pinheads, sacou o tributo? Hein! De qualquer forma, Pinhead e outros anjos demoníacos que receberam a graça de "Cenobites" foram responsáveis pelo pesadelo de muitas pessoas no mundo naquela época. Lembro de Santo Augustinho que disse que anjos não é uma espécie de ser e sim uma profissão, ou seja, todos são espíritos. Será pertinente essa lembrança?

Uma história sem precendentes imaginem, depois de todos os pecados em terra e você descobre sobre uma chave que permite abrir as portas do céu, a chave trata-se de um caixa, uma espécie de cubo de Rubbik, mas apenas uma combinação abre a tão sonhada porta, as outras abrem as portas do inferno, aonde os graciosos Cenobites vêm buscá-lo pessoalmente. Ou talvez, o único motivo de você tentar abrir as portas do inferno seja pelo prazer pela dor. Mas hoje não pretendo contar a história de Hellraiser, porque afinal de contas se você esperar um pouco, terá a possibilidade de assistir o remake dessa obra, da qual o próprio Barker irá participar novamente.

Com isso podemos ver que Barker não esta jogando cartas com Pinhead e o vocalista do Motörhead, e sim trabalhando como sempre, no fim desse mês sai um jogo para PC, Xbox 360 e PS3 chamado "Clive Barker's Jericho".

Como diria o mercador no fim do filme, "Qual é o seu prazer?".

Clipe Motörhead - Hellraiser 3



Trailer Jericho

sexta-feira, setembro 28, 2007

Karate Kid vs Steve Vai

Mais atrasado que todos, mas ainda vivo, assisti recentemente "O motoqueiro fantasma", como já previa o filme não ia ser aquela excelência e coincidentemente na minha opinião não foi. Em fato, como uma coisa leva a outra, em uma cena do filme, onde Johnny Blaze se encontra com o PÓPRIO Belzebu e leva uma conversa cotidiana sobre cobranças de dívidas, família, dívidas de bar, sexo, drogas e claro rock and roll, isso sim, fez me lembrar de um excelente filme de 1986, "A encruzilhada", lembram? Não! Então, let's nessa...

Neste filme você encontra com Ralph Macchio, o imortal Daniel Sam de Karate Kid, quando me lembro de Karate Kid inevitavelmente lembro-me do Sr. Myagui, pena que o mestre se foi (nota: você ae! Monstro que lê esse blog espero que você tenha noção que o Myagui morreu. Fim da nota.), lembranças onde devem ficar, ou seja, no passado, voltamos ao tópico, Daniel Sam é um fã de Blues e aspirante a tocador de guitarra, ele descobre através de jornais antigos que uma lenda do Blues, Willie Brown está internado em um hospital de segurança mínima perto dele.

Assim Daniel Sam, que não consegue viver sem um mestre vai atrás do bluzero, e através de conversas o karateca de meia pataca descobre que a maioria dos blues man do universo Mississipiano vendeu tudo a alma para o coisa ruim em troca de sucesso, mas vocês manjam que fazer acordo com o Lufis (Lucipher em português da ZL) tem volta, ou seja, quando você bate as botas, bye, bye, alma.

Assim Willie e Daniel Larusso vão até a encruzilhada onde o próprio Willie fez seu pacto com o Mefisto, e Daniel Sam já instruído pelo mestre desafia o Demo para uma peleja, o Demo que não é bobo, chama o seu maior brinquedinho para a briga, o motoqueiro fantasma. Nãooooooo... o Motoqueiro é da outra história! Ele chama nada mais, nada menos que Steve Vai da Silva, o guitarreiro mais temeroso de todo o pântano do Mississipi, dai imagina só o que acontece? Solos de guitarra para todos os lados, cusparada na cara, puxão de cabelos e no fim Daniel Sam se põe em posição de Garsa australiana com câimbra em uma pata e aplica o golpe mortal, que faz o filme ter um final feliz.

Estou a procura desse filme a tempo, mas a única versão que encontro é uma gringa que tá a maior facada, se alguém saber de uma versão mais barata do filme, estou na captura, sou até capaz de vender a alma para o nazareno por uma desta. :)

A luta final


Nota: a mina dançando parece a pomba-gira, talvez essa tenha sido a intenção.

quinta-feira, setembro 20, 2007

Era uma vez... de novo.

Alguém se lembra de Alice de American McGee's? Não! Então vamos a La Jack, o estripador, ou seja, por partes. American McGee é um nome próprio, sinistro não? Os pais eram hippies? Claro! A profissão do cara é designer de jogos. Você já pode ter jogado jogos do qual ele participou e nem sabe, como por exemplo, Doom II, Quake e Quake II.

Em fato Alice de American McGee's foi um jogo exclusivo para PC baseado numa idéia chamada de "Twisted Fary Tale", eu piro nessa idéia, quem já fez coisas do mesmo gênero foi o Todd McFarlane, ele tem uma série de brinquedos baseado nisso. Mas, e ae que droga é essa você me pergunta, imagina você pegar a história de Alice no país das maravilhas de Lewis Carroll que já é louca demais. Então você coloca uma faca na mão da Alice, apresenta o gato de Cheshire com parte do corpo em osso metálico, o chapeleiro maluco tenta matar a Alice, e por fim você descobre que Alice estava nada mais, nada menos do que dentro de um manicômio depois da morte dos pais, deu para entender?

Onde quero chegar é que McGee back's, o novo projeto dele é também um "Twisted Fary Tale", e desta vez sobre os irmãos Grimm, então você confabula, irmãos Grimm, sei! Aquele do filme das meninas seqüestradas para dar a beleza para a princesa, e... e... Ow, para! Sai do cinema monstro! Vai ler! Os caras são responsáveis por, branca de neve, Cinderela, João e Maria, Rapunzel e outros. Pensando assim e ponto, você vê que a idéia de faca na mão e outros artefatos psicos irão voltar a esse título. A promessa segue que no começo de 2008 estará saindo, ao que tudo indica você poderá passear pelas florestas dos contos como se fosse GTA (nota mental 34561.12, será que o jogo será um GTA de conto de fadas? Nice!!!).

É isso ae pessoas, em breve para todos os PC's capacitados do universo estaremos com mais um título macabro, estranho, será que só eu no universo acha os contos de fadas coisas assustadoras? Sabe aquela história de chapeuzinho vermelho e lobo mal, será que o lobo não queria comer a chapeuzinho, no sentido figurado. Ou quem sabe no caso de João e Maria, dois nóias andando na floresta e comendo uma casa de chocolate de uma bruxa, já tinha ectasy na época dos Grimms e do Carroll? A menina trocava idéia com um coelho de relógio e via um gato invisível. Deixa para lá, vou continuar lendo a versão comentada de Alice no país das maravilhas e se tiver alguma conclusão sobre isso escrevo aqui.

terça-feira, setembro 18, 2007

Quer ver um robô ao vivo e a cores?

Você pode pensar em vários tipos de robôs, como, campeonato de futebol com robôs, robôs recepcionistas, ou quem sabe até mesmo o Asimo da Honda, mas não, nenhum desses é o que irei dizer para vocês. O que vou citar, ele é de uma galáxia muito, mais muito distante. Sim, C3PO em lata e circuitos estará aqui no Brasil, uma triste notícia a todos que acreditam que ele é um robô, não, ele não é, ele é humano, e do planeta Terra, o nome da peça é Anthony Daniels, e em comemoração aos 30 anos do primeiro episódio de Guerra nas estrelas ele virá para uma tarde de autógrafos.

Então o que você esta esperando? A tá, o convite. Esta aqui.

20/9, quinta-feira, 12h30
Tarde de autógrafos com o ator/ personagem C3PO da saga de Star Wars, 20th Century Fox Home Entertainment e Admirável Entretenimento
Em comemoração aos 30 anos do primeiro filme da série, o ator inglês Anthony Daniels que interpretou o robô C3PO vem ao Brasil e autografa os DVDs da trilogia.

Esse convite veio a mim através de um programa de eventos que a Saraiva patrocina e para confirmarem a presença, basta enviar um e-mail para, eventosmorumbi@livrariasaraiva.com.br.

sexta-feira, agosto 31, 2007

Para rei vote Iorek Byrnison

A primeira instância você pode pensar que esta tendo em alguma parte do globo a sucessão de algum príncipe, pois não é isso, Iorek Byrnison, é um urso polar gigante que utiliza uma armadura, ele é um Panserbjørne, e eles claro ficam em seu habitat, ou seja, no pólo norte. Espera ai, que papo é esse de urso de armadura? Panserbjørne?

Ora meus caros mancebos tosquenejadores, estou falando do livro "A bússola de ouro" que em dezembro vai para os cinemas, claro que como um bom critico de livros do gênero fantasia, eu já li o primeiro livro, e agora é só esperar o filme e ver se os caras acertam a mão.

Se for pelo financiamento, podemos considerar o filme como campeão, atrás do filme esta a New line cinema, a mesma do "O senhor dos anéis", inclusive para quem já viu o trailer, isso fica bem claro.

O produtor e diretor é Chris Weitz, que a meu ver não tem nada de muito brilhante na carreira, agora se você considerar como parâmetro "American Pie", nesse caso, para você, e exclusivamente para você, ele é um excelente diretor.

O livro foi escrito por Philip Pullman, e basicamente trata da história de Lyra, o escritor tem uma linha de pensamento muito parecida com Julio Verne, sabe parecido como "Viagem ao centro da terra", se você for ler, não deixe se levar por explicação nenhuma sobre o que são Daemons, deixe a história rolar que você cedo ou tarde vai entender o que ele representa para uma pessoa.

Não vou descrever a história aqui, somente garanto que o livro é muito bom para o gênero, se tiverem oportunidade leiam.


quinta-feira, agosto 30, 2007

A droga esta para o viciado, assim como 30 dias de noite esta para um vampiro

Se imagine um vampiro, assim como tendo muitas habilidades devido a espécie, você também possuiria vulnerabilidades, uma delas, e talvez a mais grave fosse a luz do sol.

Agora imagine que você saiba que existe uma localidade no Alaska que passa 30 dias na mais pura escuridão.

Então se você é um vampiro, Barlow com certeza é a sua casa.

Abaixo segue o primeiro trailer da adaptação dos quadrinhos, 30 dias de noite. Compre sua passagem para o Alaska e delicie-se.


quinta-feira, agosto 23, 2007

Lenda ou realidade

Atualmente esta em produção o filme "Sweeney Todd, The demon barber of Fleet Street", que conta a história de um barbeiro Benjamin Barker (Johnny Depp) que depois de ser expulso de Londres e ver a família cair em desgraça, volta para Londres usando o nome de Sweeney Todd, com intuito de fazer sua doce, ou devo dizer salgada vingança, ele conta com uma comparsa Mrs. Lovett (Helena Bonham Carter), o plano é simples, consiste em Todd matar os ilustres clientes que contribuiram com sua expulsão e frequentam sua barbearia e com as partes dos corpos, a bela Mrs. Lovett faz tortas, que se torna fenômeno em Londres.
O filme conta com uma parceira de bons resultados, o diretor Tim Burton, com um diretor como Tim Burton não tem como o filme não sair excelente, claro! Minha opinião. Como já citado Jonnhy Depp que já trabalhou muitas vezes com Burton, e a esposa de Burton, Helena Bonham Carter, refrescando as memórias fervorosas a última atuação de Depp e Helena aconteceu em 2005, bem não foi bem atuação, eles emprestaram as vozes para "A noiva cadáver", adivinha de quem era a direção? Exato! Tim Burton.
Mas e o título desse post? Então vamos a ele meu caro mancebo tosquenejador. Muitos se questionam se o caso do barbeiro Hannibal Lecter de Londres foi verdade ou não. Em fato isso não aconteceu, logo, isso não passa de uma lenda urbana e como toda boa lenda urbana, explora sempre a vulnerabilidade humana.
Hoje em dia e se falando de Brasil, não temos mais o costume de se barbear nos ditos barbeiros, mas no passado era um costume, e me diga se não é uma situação de vulnerabilidade estar com uma navalha no pescoço literalmente.


O filme é baseado no musical, então fica aqui uma baladinha para começar a entrar no clima.

"His voice was soft, his manner mild
He seldom laughed but he often smiled
He'd seen how civilized men behave
He never forgot and he never forgave
Not Sweeney
Not Sweeney Todd
The Demon Barber of Fleet Street..."
"The Ballad of Sweeney Todd" By Stephen Sondheim.

"A voz dele é macia, sua maneira suave
Ele raramente ri, mas ele frequentemente sorri
Ele tinha visto como homens civilizados se comportam
Ele nunca esqueceu e ele nunca perdoou
Não Sweeney
Não Sweeney Todd
O demoniaco babeiro da rua Fleet..."
"A balada de Sweeney Todd" por Stephen Sondheim.

segunda-feira, agosto 20, 2007

Lost boys 2 com Sutherland

Boas notícias, e más também. A melhor e maior é sem dúvida a confirmação da continuação do clássico de 1987, "Os garotos perdidos", mas as boas não param por ai, confirmados para continuação, os irmãos Frog (Feldman and Jamison Newlander) e também Sam (Corey Haim), coisas interessantes, há quase um ano assistindo ao canal por assinatura E (Entertainment Television), que contava sobre a carreira de Corey, uma história de ascensão rápida e queda tão rápida quanto a primeira, o cara se envolveu com drogas (coisa nova para jovens atores, não!), mas não vamos deixar que essa fase "Zé droguinha" estrague a glória dessa nova película, quer dizer por enquanto.

Continuando com as news e bad news, o outro ponto interessante é que um Sutherland vai estar no filme como bad boy vampiro. Então você pensa, pow o Keifer Sutherland não morreu chifrado (se você não entendeu essa última frase, vai ver o filme!), mas não é o Keifer e sim seu meio-irmão Angus Sutherland (que tem o pai vampiro em comum Donald Sutherland, mas a mãe diferente Francine Racette). Agora fala a verdade, tudo para ser um filme fodástico, então vamos aos pontos medianos (nem negativo e nem positivo, no meu ver, claro!), esse novo filme promete sair somente em DVD, sinceramente apesar do baixo custo que essa produção deve reservar, isso não impede que seja ruim por sair somente em DVD, afinal isso depende exclusivamente do diretor, não? Então vamos ao ponto negativo, o diretor, nada menos e NADA MENOS que P.J. Pesce, esse nome despercebido em seu bloco de neurônios, já fez um filme de vampiros, "Um drinque no inferno", refrescou? Pelo drinque você deve dizer que sim, mas pelo conjunto, aff! Vou ser sincero, gosto de filmes classe B, mas o drinque com o Belzebu é brabo e nem classe B é.

Em fato, vamos esperar que por intervenção divina ou maligna que seja, que o filme traga novamente para todos os fãs a volta triunfante de um clássico vampírico que inova em muitos aspectos a mesmice chata que os vampiros podem trazer.

Ps.: Tive que escrever esse post, filmes de infância não podem passar em branco. Será que o Nanok está vivo? Vai que ele era um cachorro vampiro!

quarta-feira, junho 13, 2007

Encontrando MP3 no Google

Uma técnica as vezes funcional para encontrar um determinado arquivo MP3 utilizando o Google, digite o seguinte na busca:
intitle:index.of "mp3" +"Great big sea" -htm -html -php -asp "Last Modified"
Para buscar por outra banda troque o termo "Great big sea".

sexta-feira, junho 08, 2007

Fã clube


Quem disse que um blog não tem fãs, como vocês podem ver essa big duma peituda é fã de carteirinha do blog. Não dá para acreditar não é? Não mesmo! Essa foto foi gerada em um site que possui um sistema de junção de texto com foto. Apesar de não ter muitas fotos dá para se divertir FunOnIt.

segunda-feira, junho 04, 2007

A união faz a força

quarta-feira, maio 30, 2007

Relembrar, é dar risadas

Um ator nipo-americano junto com um mancebo com cara de moça, impulsionou em 1984 uma legião de futuros lutadores de caratê. Lembram? Não! outro dia achei uma cena no youtube da qual fiquei dividido, entre o saudosismo, e me acabar de rir vendo as cenas finais de todos os filmes do Karate Kid do qual Ralph Macchio pariticipou, tá difícil lembrar dos nomes? Vamos lá, Raplh Macchio é nada mais, nada menos que o Daniel LaRusso, lembra o muleque zuado na escola que resolve aprender caratê para se defender, e o senhor Myagui, o imortal Pat morita que faleceu em 2005, uma grande perda, afinal de contas o cara era um ícone a La Chuck Norris, Charles Bronson, ou talvez mais atual Pai Mei.

Se ainda não é bastante que tal a canção tema, Peter Cetera em "the glory of love", como o próprio título desse post diz, relembrar, é dar boas risadas, abaixo estão os vídeos para você entrar no túnel do tempo. :)

Peter Cetera - The glory of love



Karate Kid - Lutas finais



Ps.: Que mocinha Daniel LaRusso dizendo no terceiro filme: - eu estou com medo, eu estou com medo. E o mestre Myagui diz: - O seu melhor caratê esta dentro de você.

quinta-feira, maio 24, 2007

Alice

Enquanto não há notícias sobre a produção do filme Alice de American McGee, o jeito e ter uma leve idéia do que pode-se fazer com uma história tão insana. A produção do clipe fica por conta de White Zombie.

segunda-feira, maio 21, 2007

Chad Vader - episódio 8

O último episódio do primeira temporada.

sexta-feira, maio 18, 2007

Jovens escritores

Não faz muito tempo comentei sobre Eragon a triologia da herança, escrito por Christopher Paolini que escreveu Eragon com 19 anos, na verdade fiz um comentário sobre as diferenças entre o livro e o filme, em fato gostaria de falar desta vez sobre uma outra triologia de uma garota chamada Licia Troisi que escreveu o primeiro livro da triologia com 24 anos, trata-se de uma outra fã de Tolkien e sendo assim uma outra obra do gênero fantasia, a triologia em questão é "Crônicas do mundo emerso", os títulos dos livros não ordem são: "A garota da terra do vento", "A missão de Senar" e "O talismã do poder".

Motivo deste comentário é a forma de escrita de Licia, o livro é realmente empolgante, certamente para aqueles que gostam do gênero, para vocês terem idéia em cinco dias quase terminei o primeiro livro. As diferenças entre Christopher e Licia são claras, sinceramente foi penoso ler Eldest, das seiscentas e poucas páginas do livros realmente as últimas cem foram envolventes, com o livro "A garota da terra do vento" a história é extremamente diferente, a narração flui sem milhões de detalhamentos sobre a esfera em que os personagens se encontram e mesmo assim não deixam o leitor ficar no vazio, você consegue criar o ambiente narrado de forma clara.

Um ponto bem interessante sobre a história fica claro em cima da personagem principal Nihal, a garota trata-se de um semi-elfa, ela vive com seu pai que Livon, um armeiro. Eles vivem na Terra do vento, a principal característica são as torres que envolvem tal região. Inicialmente você participa da infância dela, a inocência e a forma que as terras vivem sobre a visão do Tirano, o desenrolar da história leva você as mudanças psicológicas que uma criança pode ter quando inserida em situações duras, a busca por conhecimento, a força de vontade para se conseguir algo. Assim como a sociedade que vivemos ela enfrenta preconceitos resultantes do que ela almeja e o que ela é.

Contar mais sobre livro seria como puxar o tapete de futuros leitores, dessa forma deixarei a história nesse pequeno parágrafo acima, a história em si não tem nada de complicado e principalmente mostra assuntos atuais escritos dentro de uma fantasia. Li que Licia escreveu a história de forma que ela seria a protagonista da história e assim sendo transmitindo de certa forma o que ela passou por sua vida.

Site oficial

Download
Cronicas do Mundo Emerso - 1 - A garota da terra do vento
Cronicas do Mundo Emerso - 2 - A Missao de Senar
Cronicas do Mundo Emerdo - 3 - O Talisma do Poder

sexta-feira, maio 11, 2007

99 Luftballons

Apesar de ter sido um hit há muito tempo atrás e de a música ser legal, eu não entendia do que falava até uma aula de Alemão que eu tive. A letra foi criada em plena a guerra fria em forma de protesto, Nena escreveu essa canção sobre os olhos do mundo sobre a Alemanha então dividida, num mundo onde a qualquer horas podia se acabar entre bombas nucleares, e para desencadear um ataque bastaria um balão suspeito, ou talvez noventa e nova. :)

99 Luftballons - Nena
99 balões

Hast du etwas Zeit für mich
Dann singe ich ein Lied für dich
Von 99 Luftballons
Auf ihrem weg zum Horizont
Denkst du vielleicht g'rad an mich
Dann singe ich ein Lied für dich
Von 99 Luftballons
Und das sowas von sowas kommt


Se você tiver um tempinho pra mim
Cantarei uma música pra você
Sobre 99 balões
Em seu caminho para o horizonte
Se você pensar em mim nesse momento
Daí eu cantarei uma música pra você
Sobre 99 balões

99 Luftballons
Auf ihrem weg zum Horizont
Hielt man für UFOs aus dem All
Darum schickte ein General
'ne Fliegerstaffel hinterher
Alarm zu geben, wenn's so wär
Dabei war'n da am Horizont
Nur 99 Luftballons


99 balões
Em seu caminho para o horizonte
Foram confundidos com OVNIS
Por isso um general mandou
Uma esquadra de aviões atrás
Dar o alarme se necessário
Enquanto isso tinha no horizonte
99 balões

99 Düsenflieger
jeder war ein grosser Krieger
Hielten sich für Captain Kirk
Das gab ein grosses Feuerwerk
Die Nachbarn haben nichts gerafft
Und fühlten sich gleich angemacht
Dabei schoss man am Horizont
Auf 99 Luftballons


99 aviões
Cada um uma máquina de Guerra
Se achando Capitão Kirk
Deu um grande tiroteio
Os vizinhos não entenderam nada
E se sentiram ameaçados
Enquanto isso no horizonte atiravam
em 99 balões

99 Kriegsminister
Streichholz und Benzinkanister
Hielten sich für schlaue Leute
Witterten schon fette Beute
Riefen: Krieg und wollten Macht
Mann, wer hätte das gedacht
Dass es einmal soweit kommt
Weg’n 99 Luftballons


99 Ministros de Guerra
Fósforos e galões de combustível
Se achavam pessoas espertas
Querendo uma gorda recompensa
Gritavam: GUERRA e queriam poder
Cara, quem imaginaria
Que chegaria a esse ponto
Por causa de 99 balões

99 Jahre Krieg
Ließen keinen platz für Sieger
Kriegsminister gibt's nicht mehr
Und auch keine Düsenflieger
Heute zieh’ ich meine Runden
Seh' die Welt in Trümmern liegen
Hab' 'nen Luftballon gefunden
Denk' an dich und lass' ihn fliegen


99 anos de Guerra
Não deixaram espaço pra vencedores
Ministros de Guerra não existem mais
E nem aviões de guerra
Hoje dou minhas voltas
E vejo o mundo em pedaços
Achei um balão
Penso em você e deixo ele voar

Vídeo Clipe

segunda-feira, maio 07, 2007

Lostinho - Perdidinhos nos quadrinhos

Em abril a turma da Mônica publicou uma edição especial chamada "Lostinho - Perdidinhos nos quadrinhos", alguma dúvida que se trata de uma satira do seriado blockbuster "Lost".

A história segue um script muito semelhante ao do seriado, quer dizer seguindo as devidas proporções :)

Relembrando que não é a primeira vez que a turma da Mônica se envolve em paródias de filmes, seriados, temas históricos e outros.

Os links abaixo direcionam para o site "4shared", onde está disposto para download meio que do além as quatro partes da história.

Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4

quarta-feira, abril 25, 2007

Smaug? Não! Outro dragão.

Pelo que tudo indica no segundo semestre de 2007 Peter Jackson, sim o diretor de "o senhor dos anéis" e "King Kong", sendo que esse segundo não foi um blockbuster de bilheteria, minha opinião sincera, um excelente filme para um fã de ficção científica, em fato Jackson ira voltar a trabalhar na adaptação de um livro, não, infelizmente não será "o Hobbit", caso vocês não acompanhem a saga em torno do "Hobbit" e não digo da história e sim dos direitos sobre obra, na primeira instância a na segunda o processo movido pela Wingnut Films (empresa de Peter Jackson) referente aos lucros da "Sociedade dos anéis", o negócio é bizarro parece Orcs VS Elfos.

Já que comentei um pouco de "o Hobbit" e tentando não estragar a surpresa, a história trata de Bilbo Baggins e como ele adquiriu o "um", além de viagem que ele faz junto com os anões afim de acabar com Smaug, Smaug é um dragão, para você com boa memória lembra no filme "o senhor dos anéis - a sociedade do anel" no início do filme quando Pipin e Merry explodem aquele fogo de artifício em forma de dragão e o Frodo corre sobre Bilbo dizendo que há um dragão e ele diz que era impossível, bão, já disse de mais... Porque citei todo esse trecho da história, simples, o novo projeto de Jackson envolve dragões, triste para uns e alegre para outros.

Jackson diz que tem poucas chances de se envolver no "Hobbit", já que ele vai trabalhar com dragões no próximo filme, sinceramente não vejo o problema nisso, mas o cara é uma mistura de Steven Spielberg e George Lucas do dias atuais, então sabe-se lá, cada louco com sua bizarrice. Próximo do final de 2006 ele fechou um contrato de direitos sobre uma obra de uma jovem escritora americana chamada Naomi Novik, ela que aos 6 anos de idade leu a obra de Tolkien, escreveu um épico envolvendo dragões durante as guerras Napoleônicas, chamado "Temeraire".


Inicialmente a história se passa quando Will Laurence, capitão naval da marinha inglesa encontra em um navio Francês um ovo de dragão que seria o presente do imperador chinês para Napoleão, a partir do momento que o ovo se parte e Will se torna responsável pela segurança do mesmo. No momento existem 3 livros sobre a série e um quarto em desenvolvimento.

O que Jackson irá fazer com os direitos ainda não é certo, pode ser o filme, pode ser um jogo, pode ser os dois, afinal de contas a "Wingnut Interactive" recentemente se tornou desenvolvedora de games para nova geração de vídeo games (uma parceria com a Microsoft, bom para quem tem XBOX), e já que a adaptação de Halo que ficaria por conta de Jackson não foi iniciada o que nós resta é esperar. Jackson esta com um projeto em pré-produção de um best-seller de Alice Sebold intitulado "Uma vida interrompida: Memórias de um Anjo Assassinado" (The Lovely Bones).

Estou terminando de ler "Eldest" de Christopher Paolini, um livro de dragões também, a continuação de Eragon e já encomendei o primeiro da série "Temeraire", chamado "His Majestys Dragon" (obra sem tradução para Português), assim que estiver integrado melhor da história faço um novo post aqui para aqueles que se interessarem.

terça-feira, abril 24, 2007

Chad Vader

É uma série de fans feita pela Blame Society Productions que ganhou popularidade na internet, originalmente criada para o canal 101, foi cancelada após o segundo episódio, mas os criadores continuaram de forma independente. O primeiro episódio foi visto mais de três milhões de vezes na Blame Society Productions. Até então possui sete episódios de cerca de seis minutos cada, escrito e dirigido por Matt Sloan e Aaron Yonda.

A história é centralizada em Chad Vader, o irmão menos famoso de Darth Vader, que trabalha (inicialmente) como gerente diurno de uma loja de conveniência, mercado que tem o nome de Empire Market. A história que conta com o dia-a-dia de Chad com clientes e funcionários com uma pitada de diálogos da série Star Wars.

Texto acima extraído da Wikipedia.

Meu comentário sobre essa série é super positivo, foi ao acaso que encontrei no Youtube, mas sinceramente para aqueles que curtem a série "Guerra nas estrelas" é um prato cheio, se trata de uma série original e não aquelas montagens feita por fans, possui diálogos muito engraçados e bem elaborados. Abaixo esta um combo box onde você pode acessar os 7 episódios disponíveis no Youtube, a série esta tão interessante que recentemente foi traduzida para o português, os vídeos abaixo são inclusive com essas legendas.



segunda-feira, abril 23, 2007

Domus mactabilis

Em minhas viagens por fliperamas e convenções de histórias em quadrinho eu já vi muitas coisas estranhas, e já ouvi sobre estruturas feitas pelo homem que ficam possuídas por almas humanas, o espírito se fundi entre a madeira e os tijolos criando uma rara forma de monstro chamada Domus mactabilis.

Essa pérola acima não é de minha autoria não, pertence ao cara mais inteligente da terra, Reginald Skulinsk, conhecido como Skull. Talvez quando você tenha 7 anos de idade e seu mundo se resume basicamente a fliperamas e ficar na rua a toa, um cara mais velho e viciado em fliperamas pode ser o cara mais inteligente do mundo. O primeiro parágrafo refere-se a animação "A casa monstro", a única coisa que me lamento foi de não ter assistindo o filme antes. Afinal de contas um filme que trás novamente uma parceira marcante como, Steven Spielberg e Robert Zemeckis não pode ser deixado para depois. O primeiro nome é muito conhecido, mas talvez a parceira não te traga lembranças, então clareando as idéias, esses dois são responsáveis por nada mais, nada menos que a série "De volta para o futuro".

Para lembrar-se de Zemeckis é fácil, a primeira cena dessa animação mostra uma folha se desprendendo de uma árvore e voando, alguns na hora vão relembrar da pena em "Forest Gump", dessa forma chegamos ao ponto, a direção de "Forest Gump" é de Zemeckis.

"A casa monstro" não é uma daquelas animações do tipo Pixar/Disney com peixinhos, brinquedos que tem vida e outros, esta animação esta mais para trabalhos como o de Tim Burton. Uma criança na puberdade mais familiarizada com a morte, mas pode ficar tranqüilo que a animação não é nenhum Jason XXX com jovens transando no lago Cristal e sendo estripados por um cara com máscara de hockey.

A história conta basicamente com três personagens, DJ, bocão e Jenny. Que tentam desvendar os mistérios de uma casa e seu dono. O dono como aqueles que você já deve ter enfrentado na sua vida de criança, um típico maldito que furava a bola quando caia no quintal dele, convenhamos que essa é uma das maiores preocupações quando você tem 7 anos. Não se adentrando mais na história fica aqui a dica para esse final de semana para aqueles que não assistiram.

Monster House - A casa monstro (2006)
Diretor - Gil Kenan
Produção executiva - Steven Spielberg e Robert Zemeckis


Trailer

quinta-feira, abril 19, 2007

My heritage

No site "My heritage", você pode colocar uma foto sua e através de algoritmo de seu rosto ele procura semelhanças com pessoas famosas, olha o resultado do meu caso, um dos cantores que mais detesto é o que mais me pareço, pode? :)

terça-feira, abril 10, 2007

Vincent

Ao contrário que muitos pensam o primeiro trabalho de direção em uma animação de Tim Burton não foi "o estranho mundo de Jack", mas sim Vincent.

No curta Vincent que conta a história de Vincent Malloy que sonha ser Vincent Price feito em "stop-motion", a poesia escrita por Tim Burton. História simples e ótima, desde que você saiba quem é Vincent Price. Dispenso explicações a todos aqueles que acompanham filmes de terror desde seu primórdio, onde seria esse início? Poderia citar atores como Bela Lugosi, Boris Karloff ou John Carradine e outros, Price é desta época, andou lado a lado com esses morto-vivos e outros mais.

Price nasceu em 27 de Maio de 1911 em Missouri, nos Estados Unidos e mundo o perdeu no dia 26 de outubro de 1993 devido a um câncer no pulmão. A maior parte dos filme do qual participou são classificados como classe B. Interpretou o vilão "cabeça de ovo" em Batman para TV, emprestou a voz para o clipe "Thriller" de Michael Jackson, e claro atuou em uma lista de filmes vasta de filmes.

Dentro da animação de Tim Burton ele faz o narrador da história, mas a parceria dele com Tim não ficou por isso, no filme "Edward mãos de tesouras" ele fez o papel de pai(criador) de Edward. "Edward mãos de tesouras" foi o seu último papel em vida.

Como disse Edward a pergunta de Peg Boggs sobre seu pai:
- Ele não acordou.

Tim Burton - Vincent (legendado)

segunda-feira, abril 09, 2007

The Awakening

O despertar é uma estátua de 30,5 metros onde um gigante esta enterrado na terra esforçando para se libertar. Ela foi criada por J. Seward

Johnson Jr. e instalado em Hains Point, Washington em 1980 para uma conferência internacional de esculturas. Ela foi aprovada popularmente, tal que 25 anos depois ela prevalece.

A estátua consiste em cinco parte separadas enterradas no chão, dando a impressão de um gigante em pânico tentando se libertar para a superficie.

Periódicamente, há rumores que a estátua esta se movendo.